Skip to main content

Esta é uma das receitas de um banquete árabe que fiz com uns amigos no reveillon desse ano, na Serra do Cipó, em Minas Gerais, em uma cozinha maravilhosa em um lugar incrível. Para ver as outras receitas e fotos que fiz por lá é só clicar aqui.

O pão pita é o pão clássico da culinária árabe e libanesa. Um pão redondinho, macio e levemente inflado. Perfeito para comer com alguma pasta tradicional como Hummus ou Babaganoush. Essa receita que fiz é bem simples, não precisa de muito tempo de crescimento, nem muito tempo sovando. O resultado não é exatamente igual aos pães sírios mais clássicos e tradicionais que você encontra nos restaurantes árabes, imagino que eles tenham as suas técnicas especiais. Mas para um pão pita caseiro ele é espetacular e, se você for como eu, vai ficar muito feliz de ter feito seu próprio pão. Daquelas receitas que a diversão do processo e o prazer de ter feito deixa tudo muito mais saboroso.

Pão Pita

Rendimento 8 pães

Ingredientes

  • 1 pacote de fermento biológico seco instantâneo
  • 1 e ½ xícaras (360ml) de água morna (não pode estar fervendo)
  • 3 e ½ xícaras (450gr) de farinha de trigo
  • 1 col. de chá de sal
  • Em uma tigela grande, misture o fermento com a água e deixe descansar por 5 minutos, para ativá-lo.
  • Adicione a farinha e o sal à tigela e misture com uma colher de pau, até que a massa comece a ficar unida.
  • Despeje-a em uma superfície lisa enfarinhada e sove por uns 5 a 10 minutos, até obter uma massa homogênea e macia.
  • Divida-a em 8 bolinhas e abra-as com um rolo de macarrão ou uma garrafa de vinho.
  • Deixe descansar no balcão por 30min.
  • Aqueça uma chapa ou frigideira (de ferro bem pesada) e cozinhe os pães, até dourar dos dois lados.
  • Se desejar, ao invés da chapa, pode assá-los em um forno bem quente por 10 a 15 minutos, até que eles inflem e fiquem levemente dourados.
  • Sirva em seguida, ainda quente de preferência.
Imprimir

1 Comentário

Deixe um comentário