Skip to main content

A Pati é uma das melhores cozinheiras que eu conheço! Minha musa inspiradora. Daquelas cozinheiras de mão cheia, que cozinha por instinto, que cozinha o que vier pela frente, sem medo ou receio, e sempre acerta. Cozinha de mãe, cozinha de amor, Cozinha Afetiva, como descreveu tão perfeitamente nossa amiga Kamilinha. É cozinha que transborda afeto e paixão em cada receita, em cada garfada. Petit não é o seu sobrenome, mas sim um apelido que a gente deu, levemente irônico, porque na sua cozinha nada é petit ou pequeno ou comedido, tudo é grande, é muito, é ótimo.

Ela me ensinou a fazer a sua famosa e maravilhosa Torta de Frango e um Bolo de Milho com Coco super rápido e delicioso.

A Pati agora tem um ajudante especial na cozinha, o Júlio, ou Julinho. Que agora faz parte do Petit, e participou ativamente do nosso dia de cozinha, revezando entre o colo da mãe, o meu colo e a TV tocando Palavra Cantada. E assim a cozinha da Pati, que já era afetiva, ficou infinitas vezes mais afetiva. Amor de mãe, cozinha de mãe!